Saiba mais sobre O Hobbit, Senhor dos Anéis…

Projeto:Escreva com as Runas dos Anões no Modo Angerthas Português

by Eduardo Stark

 

Em época dos filmes que falam sobre os anões de Erebor e sua jornada com o hobbit do condado, muitas pessoas querem entender os escritos dos anões e aplicá-los ao Português.

Ao longo dos livros do senhor dos anéis Tolkien coloca trechos de como esse alfabeto foi utilizado. O destaque maior são as runas usadas no túmulo de Balin em Moria e as páginas do livro de mazarbul (aquele que o Gandalf  lê antes do ataque dos Orcs em Moria).

Pensando nisso, estamos desenvolvendo uma forma de se escrever com esse alfabeto em nossa língua. O projeto MAP (Modo Angerthas Português) tem o objetivo de formar um alfabeto Angerthas Português, ou seja, uma adaptação das runas do senhor dos anéis à nossa língua. Ainda estamos em fase inicial e o que temos atualmente é um esboço do projeto, que vocês conferem abaixo.

É importante ressaltar que as runas utilizadas no livro do Hobbit (no mapa de Thorin e as runas na margem superior no início do livro) foram baseadas em outro sistema, que não será objeto de nosso estudo, mas também estamos desenvolvendo um sistema adaptado para esta forma de escrita dos anóes.

Para elaborar os quadros abaixo foi escolhida uma ordem alfabética, pois ela é mais conhecida do que a ordem fonética e se torna mais didática por isso, mas também temos uma versão do quadro conforme os sons.

VOGAIS E ENCONTROS VOCÁLICOS

vogais e ditongos

 

Os símbolos adotados para representar a pronuncia das letras, são os desenvolvidos pelo Alfabeto Fonético Internacional, com adaptações para o Português do Centro de Linguística da Universidade de Lisboa, encontrados no livro: nova gramática do português contemporâneo, Celso Cunha & Lindley Cintra.

Os Certhas I, II, III são criações de Ronald Kyrmse (livro Explicando Tolkien,  Martins Fontes,2003), com base em regra disposta por Tolkien.

Optamos por não utilizar o certh correspondente a “ü”, pois esse tipo de som é mais frequente em países não lusófonos. Além disso, o trema foi retirado do sistema da língua Portuguesa, com o novo acordo ortográfico (ainda estamos pensando em recolocar esse símbolo, pois ele ainda é usado em palavras estrangeiras no Brasil).

O certh 9 foi usado na carta de Brogan como Z (como em RUNEZ), conforme o Angerthas de Erebor. O Angerthas Daeron  e o de Moria usam o mesmo símbolo para “ú” conforme acima.

 CONSOANTES E OUTROS

 consoantes0

DÍGRAFOS

 dígrafos0

Os Certhas utilizados foram retirados do apêndice E (Senhor dos anéis, o retorno do rei). Título na margem superior em runas (senhor dos anéis, sociedade do anel).Páginas do livro de mazarbul (ilustração de Tolkien do livro de Moria publicada na edição de 50 anos do senhor dos anéis). Túmulo de Balin em moria (sociedade do anel), carta a Hugh Brogan (carta 118, As cartas de J.r.r.Tolkien).

Não foram consideradas as “Runes of Beleriand” apresentadas no History of middle earth. Também não foram consideradas as “Runes of Gondolin”, publicadas em Parma Eldalamberon 15. Ou seja, os estágios do processo de criação das Certhas foram desconsiderados, embora tenham sido objeto de estudo.

O Certha 28 (que representa o r(h) com som de ‘X’)  é utilizado pelo modo Angertha Moria para representar o S, por haver controvérsia ainda não pode ser considerado como adotado, pois os dois modos anteriores (Angertha Daeron e Angertha Erebor) apresentam o que está disposto aqui.

A opção dos símbolos teve como base o som e sua adequação ao Português, bem como a fidelidade a obra de J.R.R.Tolkien. Tentamos usar os mesmos símbolos dos livros , com as mesmas representações fonéticas.

Este não é um projeto finalizado e requer explicações detalhadas de cada Certh e sua aplicação na escrita. Estamos dispostos a acolher sugestões sobre o tema. Você pode nos enviar um email tolkienbrasil@gmail.com ou comentar logo abaixo em nosso espaço para comentários.

 Em algum artigo futuro iremos comentar melhor a aplicação desse sistema e dar exemplos etc. Aguardem…

 

tumulo de Balin

Túmulo de Balin, filho de Fundin, senhor de Moria

 

Facebooktwittergoogle_plusredditby feather

11 comentários

  1. Gandalf /

    Com essas runas não da para ler os mapas do livro O Hobbit?

  2. Túlio Carreiro /

    Sabe se existe um tradutor de Khuzdul para alguma língua que eu possa baixar ou usar on line?

  3. brendon da costa martins /

    alguém por favor faz uma fonte para o word baseado nas informações dessa pagina ? e me mada o link pra download aqui.

  4. tem com aprender a pronúncia de palavras e montar frases?

  5. HeldMann /

    Esse sistema de runas foi feito como alternativa ao Tengwar ou a língua dos anões é diferente dos élficos Quenya e Sindarin?

  6. existe alguma tradução pra exclamação ou interrogação ?

  7. Alyson Kuma Cafeino /

    eu tenho mais experiencia com escrita do alfabeto rúnico seax-wicca, q foi usada como base no livro dO Hobbit

  8. César /

    Olá vcs poderiam me tirar uma duvida? Como ficaria meu nome César escrito em runas. Fiquei com dúvidas no “c” e “s” por terem sons diferentes. Sempre me confundo com a fonética e a grafia.
    Porque eu poderia usar o nº 17 que representa o “C”, mas nesse caso ele tem som de “K” e não de “S” como no meu nome.
    E o “S” do meu nome tem som de “Z”. Então usaria o nº 29 ou o 34?
    Não sei se estou falando bobagens mas se esse for um modo português não seria o caso de um mesmo simbolo ter sons diferentes dependendo da aplicação?(Como é no portugues)
    Parabéns pelo trabalho e Obrigado

  9. Marcos Araújo /

    Não existem palavras no idioma anão?

  10. Sr.Givigi /

    Curti muito essa postagem. Infelizmente não tenho muito com o que contribuir, mas estou ansioso por novas matérias por parte de vocês. Quando eu erá muleke, gostava de usar as runas que conhecia, substituir nossas letras pela equivalente e escrever normalmente sem aplicar nenhuma regra gramatical. escrevia assim até no meu diário!

Trackbacks/Pingbacks

  1. Uma estranha no ninho | Terra Zero - […] a colecionar edições da trilogia, comprei um atlas da Terra Média, aprendi a escrever nas runas dos anões de […]
  2. Baixe o ebook “Publicações Tolkien no Brasil” | Manuscritos Coletivos - […] Esse é o primeiro empreendimento do site Tolkien Brasil quanto ao lançamento de ebooks. Estamos elaborando ainda outros projetos…
  3. Baixe o ebook "Publicações Tolkien no Brasil" - Tolkien Brasil - [...] Esse é o primeiro empreendimento do site Tolkien Brasil quanto ao lançamento de ebooks. Estamos elaborando ainda outros projetos…

Deixar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: