Saiba mais sobre O Hobbit, Senhor dos Anéis…

Por que Círdan tem barba? Por Michael Martinez

Michael Martinez é um dos mais conhecidos Tolkienistas (escritor de Tolkien). Michael é autor de Visualizing Middle-earth, Parma Endorion: Essays on Middle-earth, 3rd Edition, and Understanding Middle-earth: Essays on J.R.R. Tolkien’s Middle-earth.Suas colunas são conhecidas por todo o mundo, pois já foram traduzidas para o português, espanhol, grego, italiano, húngaro, finlandês, hebraico, e outros idiomas.

 

Tradução: Sérgio Ramos

Pergunta: Por que Círdan tem barba?

Resposta: Em O Senhor dos Anéis, Círdan é mencionado diversas vezes, mas ele somente aparece uma vez, onde ele recebe a companhia de Elfos liderados por Elrond e Galadriel quando eles estão prestes a partirem da Terra-média:

“Quando chegaram aos portões, Círdan, o Armador, aproximou-se para cumprimenta-los. Era muito alto e tinha uma barba muito comprida, os cabelos grisalhos e um rosto velho, a não ser pelos olhos que eram brilhantes como as estrelas; olhou para eles e fez uma reverência, dizendo depois:

– Já está tudo pronto.”

"O Armador". Arte de Antti Autio.

“O Armador”. Arte de Antti Autio.

Esta é a única menção a uma barba entre os Elfos em O Senhor dos Anéis, embora alguns leitores tenham fantasiado Elrond com uma barba (aparentemente, sem saber explicar por quê). A perceptível ausência de barba dos Elfos é intimamente associada com o Príncipe Imrahil, que Legolas reconhece como tendo sangue élfico:

“Finalmente chegaram à presença do Príncipe Imrahil; Legolas, olhando para ele, fez uma grande reverência, pois viu que realmente ele tinha nas veias o sangue dos elfos.

– Salve, senhor! – disse ele. Já faz muito tempo que o povo de Nimrodel deixou as florestas de Lórien, e mesmo assim ainda se pode ver que nem todos partiram do porto de Amroth, navegando para o oeste.”

Apesar da falta de qualquer referência ao rosto de Imrahil na passagem acima, em Contos Inacabados de Númenor e da Terra-média, Christopher Tolkien pareceu confirmar a noção de que Imrahil não tinha barba:

“Em nota escrita em dezembro de 1972 ou mais tarde, e entre os últimos escritos de meu pai sobre o tema da Terra-média, há um exame do traço élfico entre os homens, com relação ao fato de que é observável por serem imberbes aqueles de tal ascendência (ser imberbe era característica de todos os elfos); e aqui se observa, em relação à casa principesca de Dol Amroth, que ´essa linhagem tinha um traço élfico especial, de acordo com suas próprias lendas´ (com uma referência ao diálogo entre Legolas e Imrahil em O Retorno do Rei, V, IX, citado acima).”

Como é que pode os Elfos serem imberbes se Círdan tinha barba? Esta nota de 1972 não é inconsistente com os textos publicados? Assim parece, mas então a Elvish Linguistic Fellowship publicou um texto no Vinyar Tengwar número 41 (julho de 2.000) que parece resolver a questão. Christopher Tolkien publicou a maior parte de um texto em The Peoples of Middle-earth [The History of Middle-earth, vol. XII], o qual ele denominou “The Shibboleth of Fëanor (“A Pedra-de-toque de Fëanor); este ensaio explicou as profundas divisões dos Noldor de Aman e forneceu muitas informações previamente reservadas sobre os descendentes de Finwë, incluindo membros previamente não publicados da Casa de Finwë. O Vinyar Tengwar número 41 incluiu outras partes do “Shibboleth”, dentre as quais estava o comentário editorial que diz:

“A nota etimológica a seguir pertence ao nome Russandol na discussão do nome Maitimo na lista numerada de nomes dos sete filhos de Fëanor (XII:352-52). Uma nota marginal contra essa discussão fornece o detalhe que Nerdanel ´ela mesma tinha cabelos castanhos e uma pele avermelhada´. Uma nota em outro local nos papéis associados com este ensaio diz: ´Elfos não tinham barbas até que eles entrassem em seu terceiro ciclo de vida. O pai de Nerdanel [Cf. XII: 365-66 n. 61] foi excepcional, estando apenas no início de seu segundo.”

Deve ser ressaltado, contudo, que estes textos foram compostos em tempos diferentes na vida de Tolkien, e eles podem não estar diretamente conectados uns aos outros. Por exemplo, a passagem em O Senhor dos Anéis descrevendo o encontro de Legolas com Imrahil e a passagem descrevendo Círdan foram provavelmente escritas entre 1946 e 1948; Christopher data o “Shibolleth of Fëanor” de 1968; e é claro que a nota sobre a “falta de barba dos Elfos” é datada de 1972. O quanto Tolkien pode ter pensado a respeito de textos mais antigos, tanto publicados quanto não publicados, quando ele escreveu aquela nota final é totalmente uma questão de especulação (a menos que algum outro papel tenha sido publicado sem o meu conhecimento – eu devo mencionar que eu NÃO tenho cópias de todas as newsletters linguísticas). Há, contudo, outro ponto que deveria ser mencionado antes de finalizar. No ensaio sobre “Os Istari”, o qual Christopher data de 1954, J. R. R. Tolkien escreveu sobre Gandalf:

“… Na maioria das vezes viajava a pé, incansável, apoiado num cajado; e assim era chamado entre os homens do norte de Gandalf, “o Elfo do Cajado”. Pois consideravam (embora erradamente, como se disse) que pertencia à espécie dos Elfos, visto que às vezes fazia maravilhas entre eles, por apreciar em especial a beleza do fogo. Realizava porém tais maravilhas principalmente para o contentamento e o deleite, sem desejar que ninguém sentisse reverência por ele ou seguisse seus conselhos por temor.”

Se o Gandalf barbado era confundido pelos homens como da raça élfica (em 1954, apenas 6-8 anos após a passagem de Círdan ter sido escrita) então parece que por algum tempo Tolkien sentiu que fosse aceitável que um Elfo muito idoso tivesse barba. Círdan é, claramente, um dos mais antigos Elfos a viver na época da Guerra do Anel, mais velho

"Círdan, o Armador". Arte de Volha Marieta.

“Círdan, o Armador”. Arte de Volha Marieta.

por muitos anos do que Celeborn e Galadriel, os outros dois Elfos mais velhos encontrados na história. Talvez Tolkien tenha pensado sobre três ciclos da vida o tempo todo, e só escreveu a respeito posteriormente em sua vida, num ensaio em que ele sentiu que fizesse sentido. Nós nunca saberemos com certeza. Mas a barba de Círdan pelo menos parece ser consistente com a ideia de que Homens podiam aceitar um Elfo muito velho com barba, bem como com a nota tardia de que Elfos eventualmente tinham barbas.

É claro, os Anéis de Poder (como Tolkien observa em algumas cartas e ensaios) foram criados para desacelerar ou retardar os efeitos do Tempo e Decadência, diminuindo o processo de envelhecimento dos Elfos na Terra-média a uma proporção de 1:100 anos. Isto é, a cada 100 anos que se passavam na Terra-média, os Elfos sentiam os efeitos de apenas 01 ano. Os Anéis de Poder retardaram os efeitos decadentes do Tempo na Terra-média por cerca de 4.800 anos, o que foi uma parte substancial dos tempos de vida de Elrond, Galadriel e Celeborn. Logo, todos eles continuaram a aparentar bem jovens (tendo continuado a envelhecer no máximo cerca de 480-500 anos desde que os Anéis foram feitos). Círdan, contudo, já era bem velho no tempo em que os Anéis foram criados. Assim, mesmo envelhecendo outros 480-500 anos pelo final da Terceira Era, ele ainda devia ser muito velho para os padrões de um Elfo. Sua barba parece, assim, adequada e coerente com todos os textos.

Artigo publicado originalmente 13 de Janeiro de 2012 AQUI. A tradução e publicação foram autorizadas pelo autor do artigo Michael Martinez. Tradução de Sérgio Ramos.

Facebooktwittergoogle_plusredditby feather

4 comentários

  1. Rodrigo Kiepert de Oliviera /

    mais Cirdan é meio elfo ou é elfo de sangue puro?
    e elfos que não possuem sangue humano tem barba?

  2. Drunkwookie /

    Uma dúvida, não era Cirdan que detinha o anel Nenya? Se levarmos em consideração que os anéis de poder diminuíam o processo de envelhecimento, não seria errado supor que Cirdan teve os efeitos da velhice retardado por um período também. Não entendi pq Celeborn deixou de envelhecer….

    • Sérgio Ramos /

      Boa noite.
      Quanto a Círdan e o Anel NARYA, veja o finalzinho do artigo: “Círdan, contudo, já era bem velho no tempo em que os Anéis foram
      criados. Assim, mesmo envelhecendo outros 480-500 anos pelo final da
      Terceira Era, ele ainda devia ser muito velho para os padrões de um
      Elfo.”
      Ou seja, ele já era velho quando pegou o Anel.
      Celeborn estava junto de Galadriel, e os Anéis de Poder dos Elfos retardam os efeitos do tempo também no ambiente em que estejam. Perceba que onde havia um dos Três, o local também ficou inalterado: Valfenda e Lothlórien.

    • Marcelo Serra /

      O Sergio se refere ao fato de Cirdan estar na terra-média desde a época do despertar do elfos. No êxodo para Aman, ele acabou por decidir ficar no litoral da terra-média.

      Muitos foram os anos entre esse episodio (despertar) e a forjadura dos anéis de poder, quando Morgoth já havia sido preso e Sauron assumiu o papel de Senhor do Escuro.

Deixar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: