Fanfilme baseado no Silmarillion é impedido pela Tolkien Estate

 

Conforme anunciado pelo site Tolkien Brasil em 23 de setembro de 2013, estava em produção um fanfilme baseado na história da Queda de Gondolin, que está no livro O Silmarillion de J.R.R.Tolkien. O filme se chamaria “Storm over Gondolin” e já contava com seu primeiro vídeo de produção. A direção estava a cargo do francês Dimitri Frank. (veja o primeiro video de produção e mais informações AQUI).

Hoje foi anunciado na fanpage do filme que a produção não mais será possível, pois a Tolkien Estate, herdeiros que gerenciam os direitos autorais das obras de Tolkien, entendem que a produção desse filme fere seus direitos.

A mensagem é a seguinte:

“Queridos fãs,

Chegamos até você hoje com algumas notícias tristes. A Tolkien Estate, sociedade que administra os direitos dos trabalhos de Tolkien, nos solicitou para que imediatamente encerrarmos os trabalhos do filme Storm over Gondolin. Como você, nós estamos extremamente desapontados em ter que parar a produção de um filme inspirado pelo legendarium de Tolkien. Contudo, todo o time ainda está junto e nós estamos mais excitados do que nunca pela oportunidade de criar um novo mundo inspirado pelas mitologias antigas. Muito do nosso trabalho ainda permanece, e agora estamos anunciando a produção de um novo filme de fantasia onde você encontrará elfos e orcs em um universo original. Obrigado por seu apoio e fidelidade: um novo passo em nossa jornada está começando e é por vocês que estamos fazendo isso!”

 

storm over gondolin

 
 

Agora o diretor Dimitri Frank irá produzir o filme chamado “A Scarlet Dawn” e já está disponível uma foto de um orc:

 

1461119_580219782045925_814431965_n

 

A Tolkien Estate ainda não enviou nenhum pronunciamento a respeito do caso ao Tolkien Brasil. Mas assim que tivermos alguma novidade sobre esse caso atualizaremos o post.

 

8 comentários para Fanfilme baseado no Silmarillion é impedido pela Tolkien Estate

  • […] O filme foi impedido pela Tolkien Estate, veja a notícia AQUI. […]

  • Claudio Nogueira  says:

    O mesmo que aconteceu com a equipe do MOD de Middle-Earth para Skyrim. Tiveram que cancelar o projeto depois que todo o bruto da pre-produção estava concluído.

  • Matheus  says:

    Realmente uma pena,entendo o lado do Cristopher Tolkien,mas seria uma obra realmente interessante,teria sido uma bela homenagem!

    • Paulo Ramon  says:

      entende? eu não consigo entender aquele velho. Vive às custas do legado do pai.

      • Pablo Belarmino  says:

        Se não fosse por ele nunca teríamos Silmarilion publicado,.. Não é graças ao legado do pai, mas sim do grande esforço que ele teve em editar algo tão complicado como os manuscritos e sobre o vasto estudo que ele teve, que ele “vive a vida dele” e não exatamente à custas do pai…. Só porque não concordamos com certa atitude de alguém não precisamos desmerece-lo por completo. =)

  • Jhonny  says:

    Tem hora que a Tolkien Estate enche o saco, colocando suas proibições, e um patrulhamento, que me desculpem o termo, idiota. Se houvesse fins lucrativos tudo bem, mas não tem. Acho uma falta de respeito com os fãns pois, ao invés de ficar patrulhando e restringindo, porque não gastam essa mesma energia para criar um juri avaliador, para liberação sobre o uso da obra? Não sei se perceberam, mas qualquer material sem ser O Hobbit ou Senhor dos Anéis os caras embargam. Não vejo liberar, só vejo restringir.

  • […] Tolkien Estate constantemente age com vigor sobre violações de direitos autorais (por exemplo o filme do Silmarillion feito por um fã que foi impedido). Então entendemos que o filme não deve ser comercializado, podendo ser distribuído pela […]

  • Frcsc Francisco Castillo  says:

    Esse filme com certeza iria ficar melhor do q essa trilogia de The Hobbit. Não esquecer q a Tolkien Estate n pode fazer mais nada depois de 2043.

Leave a reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>